Processo de Kenteris e Thanou pode acabar em fevereiro

A Corte de Arbitragem do Esporte (CAS, em inglês) confirmou nesta
quinta-feira que o julgamento final dos atletas gregos Costas Kenteris
e Katerina Thanou acontecerá nos dias 22 e 23 de fevereiro, época em
que os Jogos de Inverno estarão na fase final.

Os dois velocistas protagonizaram o maior escândalo de doping em
Olimpíadas desde Ben Johnson, que testou positivo para esteróides em
1988, em Seul. Kenteris e Thanou não compareceram a uma sessão de
teste antidoping antes dos Jogos Olímpicos, em 2004, e simularam um
acidente de moto para justificar sua internação em um hospital.

“Eu não sei se essa será a última audiência e se já ouviremos a
sentença”, disse o advogado dos atletas, Grigoris Ioannidis.

No ano passado, uma comissão disciplinar da Grécia absolveu os dois
atletas, o que irritou os dirigentes da Associação Internacional das
Federações de Atletismo (Iaaf), que apresentou uma apelação à CAS.

A entidade se reuniu em outubro passado, mas apesar de uma maratona de
dez horas, decidiu que precisava de mais tempo para reorganizar os
procedimentos e ouvir mais argumentos das partes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.